Notícias

24-06-2020 24 de junho - Dia de São João

O Dia de São João é comemorado anualmente em 24 de junho.

São João é conhecido como o "Santo Festeiro”, e nesse dia são realizadas muitas festas conhecidas popularmente como Festas Juninas, comemorações marcadas por danças, pratos típicos e brincadeiras.

Alguns símbolos bastante conhecidos nas celebrações são a fogueira, o mastro, os fogos, a capelinha, a palha, o manjericão, a quadrilha, entre outros.


Origem do Dia de São João e da Festa Junina
O Dia de São João é celebrado em 24 de junho por ser a data tradicionalmente atribuída ao nascimento de João Batista.

Existem duas possíveis explicações para a origem do termo Festa Junina. A primeira é pelo fato das comemorações ocorreram durante o mês de junho. Já a segunda teoria afirma ser uma homenagem direta a São João. No princípio, em alguns países da Europa, a festividade era chamada de Festa Joanina.


História de São João Batista
Filho de Isabel e Zacarias. A origem de seu nome tem um significado bem interessante. João representa “Deus é propício”, e o apelido, Baptista, surgiu devido aos inúmeros batizados que realizou com os judeus. Uma tradição que posteriormente fora adaptada pelo cristianismo.

Isabel , mãe de São João, era prima da Virgem Maria. São João não havia nascido ainda, mas era esperado. Isabel prometeu à Virgem avisá-la logo que criança nascesse. As duas casas não eram muito distantes, de modo que de uma se avistava a outra com um pouco de esforço.

Numa noite bonita de céu estrelado, São João nasceu. Para avisar a Virgem, Isabel mandou erguer na porta de sua casa um mastro e acendeu uma fogueira que o iluminava. Era o aviso combinado. A Virgem Maria correu logo para visitar a prima. Levou-lhe de presente uma capelinha, um feixe de folhas secas e folhas perfumadas para a caminha do recém-nascido.

João nasceu na Judeia no ano 2 a.C., e se tornou popular. Vivendo como um nômade e pregando, descrito na Bíblia como pessoa solitária, um profeta de grande popularidade.conseguiu cativar as pessoas para se batizarem.

São João é considerado o santo mais próximo de Cristo, pois além de ser seu parente de sangue, Jesus foi batizado por João nas margens do rio Jordão.

No ano 27 d.C. João Batista morreu decapitado a mando de Herodes, que vivia em adultério com a mulher de seu irmão, Herodíades.

No aniversário de Herodes, a filha de Herodíades dançou de forma tão surpreendente que, admirado, Herodes prometeu dar o que ela quisesse. Orientada por Herodíades, a filha pediu a cabeça de João Batista numa bandeja, porque João condenava o comportamento adúltero do casal.


A Festa Junina de São João
O São João é uma das principais figuras das festas juninas. Nessa comemoração, a quadrilha é a dança típica cujos dançarinos vestem-se com vestes caipiras.

Além dos tradicionais balões e fogueiras, várias brincadeiras dão mais brilho à festa. São exemplos: pescaria, cadeia, correio-elegante, boca do palhaço, entre outras.

O Dia de São João também é marcado pela culinária, com várias comidas e doces típicos, como:

rapaduras
amendoim
bolo de milho
cocada
curau
canjica
bolo de macaxeira / mandioca
paçoca
pé de moleque
Existem outros pratos que variam de acordo com a região brasileira em que é celebrado o São João.

Essas iguarias estão quase sempre presentes nas festas. Cidades do interior do Brasil, em especial, fazem festas mais típicas e possuem costumes bastante difundidos entre todos os habitantes, diferentemente do que acontece nas cidades grandes.

Aproveite o dia dele, que ilumina nossas vidas, corações e protege as amizades e as grávidas, para fazer seus pedidos e orar.

Oração a São João Batista
Ó, glorioso São João Batista, príncipe dos profetas, precursor do divino redentor, primogênito da graça de Jesus e da intercessão de sua santíssima mãe, que fostes grande diante do Senhor, pelos estupendos dons da graça de que fostes maravilhosamente enriquecido desde o ceio materno, e por vossas admiráveis virtudes, alcançai-me de Jesus, ardentemente vos suplico, que me dê a graça de o amar e servir com extremado afeto e dedicação até a morte. Alcançai-me também, meu excelso protetor, singular devoção a Virgem Maria Santíssima, que por amor de vós foi com pressa à casa de vossa mãe Isabel, para serdes livre do pecado original e cheio dos dons do Espírito Santo. Se me conseguirdes estas duas graças, como muito espero de vossa grande bondade e poderoso valimento, estou certa de que, amando até a morte a Jesus e a Maria, salvarei minha alma e no céu convosco e com todos os anjos e santos amarei e louvarei a Jesus e a Maria entre gozos e delícias eternas. Amém.

Fonte: JBJ-News
Voltar
Deixe Seu Comentário