Notícias

14-10-2020 14/10 - Dia Nacional da Pecuária é celebrado com ótimos resultados

Uma das principais atividades do Brasil está sendo celebrada nesta quarta (14), o Dia Nacional da Pecuária. 
Muito expressiva para o território nacional, a atividade auxilia no desenvolvimento do país e de acordo com informações do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), só o rebanho bovino do nosso país possui mais de 215,2 milhões de cabeças de gado e vem registrando crescimento constante.  E a pecuária vai muito além dos bois e vacas. Temos também rebanhos suínos (porcos), ovinos (ovelhas e carneiros), caprinos (cabras e bodes), equinos (cavalos), muares (mulas), asininos (jumentos) e bubalinos (búfalos). Isso sem contar no efetivo galináceo (galos, galinhas, frangos etc) e na produção de ovos e leite.

Falando especificamente sobre pecuária leiteira, esta também é muito expressiva no Brasil. Nosso país  produz cerca de 35 bilhões de litros de leite ao ano, envolvendo a atividade de 1,2 milhão de estabelecimentos rurais, com cerca de 5 milhões de brasileiros. Enquanto grande parte da produção do leite é voltada para o consumo interno, a pecuária de corte brasileira passou a ser a maior exportadora mundial.

Além da comemoração do Dia Nacional da Pecuária, celebraremos nos próximos dia 16 e 17 de outubro o Dia da Alimentação e o Dia da Agricultura, respectivamente. Juntas, a Agricultura e a Pecuária respondem por mais de um quarto (¼) de todo o Produto Interno Bruto Brasileiro (PIB).

Aproveitando o bom momento vivido pela agropecuária, vale ressaltar que os leilões de animais possuem grande impacto na movimentação financeira do setor anualmente. Além dos chamados leilões de elite, onde são comercializados os animais voltados para reprodução e melhoramento genético, as vendas também crescem nos leilões de gado de corte, gado leiteiro, asininos e sêmens.

Voltar
Deixe Seu Comentário